Cursos Online
quinta-feira , 21 março 2019
Capa » Artigos e Entrevistas » Artigos » Qualificação profissional e sua importância 

Qualificação profissional e sua importância 

 

Olá, leitor!

A crise econômica tem fechado muitos postos de trabalho, as empresas têm procurado reduzir custos por meio da diminuição da folha de pagamento e pela manutenção de funcionários capazes de produzir mais. Nessa situação, não é o tempo de casa que determina quem fica e quem sai, mas o empregado capacitado que consegue trazer bons resultados.

A qualificação profissional faz a diferença para quem procura por ou quer manter o emprego, isto porque ela se resume em mais conhecimento e também porque prepara melhor o profissional para executar a função que lhe foi designada. Em situações difíceis, de tomada de decisão, aqueles mais bem preparados sabem como proceder dentro da empresa.

Muitas pessoas alegam falta de tempo e é compreensível que a puxada rotina de trabalho desestimula a procura por mais estudos, já outros dizem não ter condições financeiras para pagar por uma especialização. Acontece, que esses argumentos não são mais tão justificáveis, pois com a grande oferta de cursos a distância e com programas de bolsas e financiamento de estudo o que falta, na verdade, é um pouco mais de organização.

Tipos de qualificação

O conceito de qualificação compreende em complementar a formação independente do nível que se encontre, pode ser do nível médio para um curso técnico, graduação, pós-graduação, línguas estrangeiras, computação, é agregar conhecimento e aperfeiçoar as habilidades.

Cursos técnicos

São considerados de nível médio, focados na prática e com o objetivo de preparar pessoas para ingressar imediatamente no mercado de trabalho. Os estudantes podem ingressar após a conclusão do ensino fundamental e cursar conjuntamente com o ensino médio ou após o término. A duração depende do curso, que pode ser de meses até três anos, com isso o aluno recebe um certificado e pode seguir com os estudos para uma graduação.

Cursos tecnológicos

De acordo com o MEC, são cursos superiores de graduação plena voltados para quem está saindo do ensino médio. Têm menor duração do que os cursos de bacharelado e licenciatura, cerca de dois a três anos. O aluno recebe um diploma e pode dar continuidade com uma pós-graduação.

Bacharelado  

É uma formação e nível superior com duração média a longa, dependendo do curso, três a seis anos. Por trabalhar com uma área do conhecimento, ele possibilita diferentes oportunidades de atuação no mercado de trabalho. O seu diploma dá direito a cursar uma pós-graduação latu e inscritu-sensu.

Licenciatura  

Tem a duração de quatro a cinco anos e também é de nível superior, com ele adquiri-se diploma para seguir na carreira acadêmica. A diferença para o bacharelado está na área de atuação, pois a licenciatura prepara o profissional para lecionar tanto na educação infantil, no ensino fundamental e médio.

Cursos diversos 

Englobam os mais diferentes tipos de aprendizados, oferecem certificado e geralmente são de curta duração, podem se estender por uma semana, por meses ou até por apenas um dia. O foco é agregar algum tipo de habilidade/ conhecimento, seja por meio de uma língua estrangeira, por meio de manuseio do computador ou pelas suas ferramentas de tecnologia, técnicas e etc.

Modalidade de cursos 

Presencial 

Compreende que o aluno inscrito frenquenta pessoalmente as instalações físicas da instituição de ensino.

 À distância 

A Lei de Diretrizes e Bases prevê que os certificados ou diplomas adquirido por meio de um curso à distância possui a mesma equivalência de um presencial.

Os cuidados exigidos na hora de escolher uma especialização independem de sua modalidade. Faz parte verificar se a instituição está autorizada pelo Ministério da Educação a dar este curso, se ele está devidamente registrado e aceito, se passou por fiscalização e avaliações e quão bem avaliados foram.

Até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.