Cursos Online
quinta-feira , 14 dezembro 2017
Capa » Concurso Público » 9 dicas matadoras para passar no concurso público

9 dicas matadoras para passar no concurso público

 

Os concursos públicos têm sido o sonho profissional de muitas pessoas, pela estabilidade, versatilidade, excelente salários e outros benefícios. Por isso, estão cada vez mais exigentes e concorridos. Se conseguir uma vaga pública também é o seu objetivo, preste muita a atenção nas nessas 9 dicas matadoras para se preparar e garantir sua aprovação em qualquer seleção:

  1. Cuide da sua saúde – Muitos concurseiros negligenciam essa dica por acreditar que ela não é capaz de influenciar tanto assim em seu desempenho – o que é um grande engano! Se a sua saúde física e mental não estiver boa, todos os seus esforços poderão ser perdidos e, por isso, essa é a primeira dica que escrevo. Alimente-se bem, com variedade e durma, para que seu cérebro possa funcionar corretamente e você não perca a capacidade de concentração e aprendizado. Assim, você tornará todo o tempo de estudos mais intenso e produtivo.
  1. Qualidade é melhor que quantidade – tem gente que acha que quanto mais assuntos “engolir” e decorar, melhor será o desempenho. Engana-se. Avaliações de concursos exigem mais do que a memorização de uma série de regras e fórmulas – exigem capacidade de análise e leitura crítica, e estou falando das questões objetivas, mesmo as de exatas. Por isso, aprenda com qualidade; varie suas fontes de informações e tipos de testes, compreenda as fórmulas e seus princípios, analise e conecte as disciplinas entre si; não deixe dúvidas nem “nós” para trás – esclareça todas as perguntas que vierem a sua mente – a internet está aí para te ajudar totalmente nisso! Assim você ampliará muito mais a sua capacidade de raciocínio e fará, não somente boas questões, como uma excelente redação.
  1. Mantenha-se atualizado – Muita gente começa a estudar e parece ter entrado em uma bolha, blindado de todo o resto do mundo. Grande erro! As provas de concursos sempre têm questões relacionadas aos acontecimentos das atualidades, tanto no Brasil quanto no resto do mundo. Por isso, é importante manter-se atualizado sempre. Também é essencial para a redação, que geralmente vem em temas atuais relacionados à vaga concorrida.
  1. Leia o edital – parece besteira, mas muita gente peca por um pré-requisito que não observou no edital. Leia, não somente os temas das provas, mas também todos os requisitos de titulação, orientações de possíveis provas orais / de aptidão e os pesos de cada etapa de avaliação. Muitos concursos também pedem avaliações físicas, outra razão para se preparar não somente na saúde, como no condicionamento físico.
  1. Crie uma rotina de estudos – Para todo concurseiro, estudo é prioridade alta na vida e exige uma rotina específica. Além de ter uma rotina, cumpra-a religiosamente; adquira o habito de estudar e pesquisar. É interessante reservar um espaço dedicado para os estudos, assim você conseguirá se organizar melhor.
  1. Separe tempos estratégicos – Nem pense em estudar depois de chegar morto de cansado em casa, ou com sono. Isso só atrapalha um tempo que seria valioso. Tente estudar em momentos em que você esteja mais disposto. Se for o caso, levante um pouco mais cedo e estude antes de trabalhar, ou se a única alternativa for à noite e você esc=tiver cansado, descanse alguns minutos antes de começar.
  1. Inglês e informática – quase todos os concursos hoje em dia cobram essas duas disciplinas. Não as deixe de lado, domine os assuntos básicos de gramática e noções de informática para não ser pego de surpresa em cima da hora.
  1. Treine muito – Não fique só na teoria. Pegue provas de concursos anteriores e treine. Responda as questões, tire todas as dúvidas que você encontrar. De todos esses momentos serão os momentos mais importantes para avaliar sua preparação.
  1. Busque ajuda – Não fique sozinho nessa. Se tiver dificuldades, peça ajuda a um tutor ou frequente cursinhos preparatórios. Eles poderão ser a chave para você aprender uma série de coisas que não conseguiria sozinho, sem contar do compartilhamento de experiências com outros concurseiros e professores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.